sábado, 23 de junho de 2018

Esquizophanque - Pra não esquecer de viver (2014)

Quem não é louco? Moléculas esquizofrênicas apontam as fissuras de um microcosmo qualquer. Quem não sonha? Mover-se a partir da química dos encontros. Quem não sonha até enlouquecer? Por mais que se cave a terra não acaba. A busca por algo que está perdido no horizonte é maior que um Planeta. Quem não sorri? Respirar o desconhecido. No meio de um nada esquecido falando com as estrelas que não estão no teto, quem não se transborda de sentimentos olhando uma miragem no céu pela janela? Frutificam mundos que surgiram sem narrativa de origem. E continuarão sem história. Sempre deixando de ser. E no entanto, já escrito. Quem nunca sentiu saudade de algo que nunca aconteceu? Lá onde as gavetas guardam escuros vazios. Quem nunca perdeu o sono sonhando o que não entende nem existe? Ilhas abrigando desejos navegantes. Quem não chora sentindo a dor de uma moeda? Os corpos rastejando na busca de algum adubo. Quem nunca se apaixonou por uma sensação invisível que não veio, não se sabe se existe e não se encaixa em nada no mundo? Que ninguém esteja seguro dos caminhos que segue nem dos atalhos que toma. Música fertilizante tecnológico.

BAIXE EM: Bandcamp | Mega | 4shared