FACEBOOK

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Di Steffano - Ribeira Jam

FOTO: Reprodução / Facebook
Nascido em Natal (RN), aos nove anos iniciou seu interesse pela música. Aos dez anos fez suas primeiras apresentações em colégios, gincanas e palcos. Começou seus estudos de teoria e percepção musical com o pianista Eduardo Taufic e fez cursos livres com os renomados Paschoal Meirelles, Kiko Freitas, Gledson Meira e Robertinho Silva. Paralelamente, seguiu seus estudos como autodidata; utilizando de métodos de teoria, técnicas de leitura e independência, como também, pela audição de diversos estilos musicais de grandes mestres da bateria. Baterista do Nordeste, com uma larga atuação no mercado brasileiro, Di Stéffano já trabalhou com grandes nomes da música popular brasileira. Morando no Rio de janeiro a alguns anos, sua atuação vem crescendo a cada dia, participando efetivamente da cena da musica instrumental brasileira. Como Band líder já apresentou seu show em vários projetos de música.


No Projeto Nação Potiguar em Natal (RN), Centro Cultural Banco do Nordeste Fortaleza (CE), Centro Cultural Oboé (CE), e 2ª Feira de Música no Centro de Convenções de Fortaleza (CE) e também shows nos principais Sescs do estado de São Paulo. Já gravou e tocou com Dominguinhos, João Donato, Boca Livre, Daúde, Babal, Geraldo Azevedo, Zé Ramalho, Cláudio Zoli, Martinalia, Max Viana, Evaldo Gouveia, Valéria Oliveira, Manassés Campos, Denílson Benevides entre outros. Na área instrumental já tocou com Zé Canuto, Ricardo Silveira, Torcuato Mariano, Ney Conceição, Dino Rangel, Arthur Maia, Glauton Campelo, Marcelo Martins, Eduardo Taufic, Jubileu Filho, Sérgio Groove, Marcio Montarroyos, Alessio Menconi, Eileina Williams, Dominic Filon e Jeff Gardner.
fonte: brazuca cd's

Acompanhe o trabalho do artista no Facebook
BAIXE O CD CLICANDO NA CAPA
 FAIXAS 
01 Manjazz
02 Seu Manoca
03 Meu Lugar
04 Boa de Endoidar
05 Pulando Corda
06 Piazzolla não Maracatu
07 Bossinha pra Laís
08 Acorda Véio
09 Caju Funk
10 Ribeira Jam

0 comentários:

Postar um comentário