FACEBOOK

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Galvão Filho - Achados e Perdidos (2009)

Não existe nordestino que não se anime com um xote bem tocado ou com uma percussão de maracatu. Não tem jeito, está no sangue. 

“Achados e Perdidos” é o quarto CD lançado pelo cantor. Antes, gravou “Na Palma da Mão”, “Forró pra Valer” e “Coco pra Vadiar”. Todas as canções deste álbum são autorais, com arranjos do cantor e compositor Babal e do maestro Franklin Novaes.


Sobre Galvão Filho

Nascido em berço musical, já que toda sua família é de músicos, Galvão Filho não poderia negar o sangue de artista: é cantor, percussionista e compositor. Natural de Natal, onde vem desenvolvendo seu trabalho artístico, iniciou sua carreira em 1975, participando de eventos culturais e levando sua música a outros estados como Ceará, Paraíba e Bahia.

O produto musical do cantor é resultado de sua dedicação à percussão e à pesquisa de ritmos e manifestações folclóricas nordestinas. Foi componente nos anos nos anos 1970 e 1980 do grupo Bando de Natal, cuja proposta era repensar a música nordestina com uma visão moderna. Galvão Filho tem também uma participação importante na música moderna potiguar, como compositor com canções que participaram do circuito nacional do Projeto Pixinguinha e com canções gravadas por vários artistas, como Babal, Sueldo Soares e Banda Mandacaru. Em seu trabalho encontramos ainda canções para peças teatrais e para grupos de dança moderna e folclórica.

Fez shows ao lado de nomes expressivos da Música Popular Brasileira como João do Vale, Marinês e sua Gente, Julinho do Acordeom, Xangai, Zeca Baleiro, Cascabulho e Zé Ramalho. Sua música “A Energia dos Cristais” está no repertório de Alcimar Monteiro, no CD “O maior forró do mundo”.

FONTE  clique aqui


BAIXE O CD CLICANDO NA CAPA

0 comentários:

Postar um comentário