FACEBOOK

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Valéria Oliveira - No Ar (2009)

"No ar": A leveza POP de Valéria Oliveira
(FOTO: REPRODUÇÃO/INTERNET)
A Música Popular Brasileira continua prodigiosa em manter o hábito (em crescimento desde a década de 1990) de cantoras que além de cuidar bem de seu precioso instrumento, a voz, também cuidam de expressar emoções por meio da composição. Uma delas é a potiguar Valéria Oliveira. Ela já tem tempo de viagem no gênero: está em seu sétimo álbum, "No Ar", trabalho que faz parte do Prêmio Produção Projeto Pixinguinha promovido pelo Ministério da Cultura e pela Fundação Nacional de Artes (Funarte). Adepta da reinserção do vinil no mercado musical, Valéria disponibilizou a obra em CD e em LP também.

No total, são 12 faixas em "No ar". Todas com letra (ou música) de Valéria Oliveira, todas talhadas no romantismo: declarações de amor e de desejo, idas e vindas, diálogos diretos.

(FOTO: REPRODUÇÃO/INTERNET)

Assim o é nas canções que se destacam no CD:

Em "Dança e música"
"Minha respiração pede todo ar dessa casa / desse lugar que eu não sei / Só sei que você está"
 Também em "Te direi um dia"
"Queria dizer que te amo / Por isso como esse bombom / Por isso tomo este absinto / Por isso cheiro teu perfume ; Por isso fumo esta fumaça, que passa"
Demonstrando boa técnica vocal, a cantora apresenta um jeito pop. Mas com batidas muito leves.
Mas não é somente no jeito pop em que a potiguar expõe sua musicalidade. Ela também adota o samba em "Injúrias", parceria com Simona Talma:
"Não subestimes minha capacidade de amar / Se tuas propriedades são só materiais / Se não me sabes / Me deixa em paz"
E a bossa-nova mais intimista em "Em seus braços", composta com Luiz Gadelha:


"Em seus braços / Descanso cedo ou tarde / Esqueço o tempo / Sempre me atraso... Nada é excesso / Silêncio é voz."
Fonte: Blog do Sidney Rezende

Destaco a canção "À segunda vista" faixa 11




BAIXE O CD CLICANDO NA CAPA
Local: Natal, RN, Brasil Av. Olinto Meira, 390-576 - Alecrim, Natal - RN, 59030-180, Brasil

0 comentários:

Postar um comentário